Nunca lhe confessei o meu amor

Morro dos Ventos Uivantes

Nunca lhe confessei abertamente o meu amor mas, 
se é verdade que os olhos falam, até um idiota teria percebido 
que eu estava perdidamente apaixonado. 

( O Morro dos Ventos Uivantes - Emily Brönte